Funarte inicia a quitação de R$ 20 mi em editais

A Fundação Nacional de Artes (Funarte), entidade vinculada ao Ministério da Cultura (MinC), conseguirá quitar restos a pagar referentes a 2014 e 2015, com a ampliação financeira acordada com o presidente Michel Temer no valor total de R$ 88 milhões.

O primeiro lote do montante de R$ 236 milhões irá pagar 23 atividades, entre elas 11 editais em atraso. A dívida da Funarte apenas com as atividades finalísticas era de R$ 20,1 milhões. Prêmios essenciais para o fomento às artes como o Myriam Muniz de teatro, o Carequinha de estímulo ao circo e o de dança Klauss Vianna serão contemplados.

A lista também inclui os prêmios de Arte Contemporânea 2015; o Marcantonio Vilaça, de artes plásticas; o Marc Ferrez, de fotografia; e parte do prêmio de Apoio a Orquestras 2014 e o de 2015.

De acordo com previsão da diretoria financeira da fundação, assim que o recurso chegar à Funarte, os beneficiários devem receber seus prêmios e bolsas dentro cinco dias úteis.

Fonte:
Assessoria de Comunicação
Ministério da Cultura